Resenha: Dragões de Éter: Caçadores de Bruxas – Livro 1

ASIJAOIJS
Título: Dragões de Éter: Caçadores de Bruxas
Autor(a): Raphael Draccon
Editora: Leya
Ano: 2010
Páginas:  440
Sinopse: Nova Ether é um mundo protegido por poderosos avatares em forma de fadas-amazonas. Um dia, porém, cansadas das falhas dos seres racionais, algumas delas se voltam contra as antigas raças. E assim nasce a Era Antiga. Essa influência e esse temor sobre a humanidade só têm fim quando Primo Branford, o filho de um moleiro, reúne o que são hoje os heróis mais conhecidos do mundo e lidera a histórica e violenta Caçada de Bruxas. Primo Branford é hoje o Rei de Arzallum, e por 20 anos saboreia, satisfeito, a Paz. Nos últimos anos, entretanto, coisas estranhas começam a acontecer… Uma menina vê a própria avó ser devorada por um lobo marcado com magia negra. Dois irmãos comem estilhaços de vidro como se fossem passas silvestres e bebem água barrenta como se fosse suco, envolvidos pela magia escura de uma antiga bruxa canibal. O navio do mercenário mais sanguinário do mundo, o mesmo que acreditavam já estar morto e esquecido, retorna dos mares com um obscuro e ainda pior sucessor. E duas sociedades criminosas entram em guerra, dando início a uma intriga que irá mexer em profundos e tristes mistérios da família real. E mudará o mundo.

Postado Por: Yuri Hollanda
Muitas pessoas conhecem Dragões de Éter, mas muitas, também, tem um certo preconceito pela série ser brasileira.
Confesso que tinha (talvez ainda tenha, um pouco) quando conheci a série, mas eu adorei tanto a sinopse que acabei comprando e… é maravilhoso.
Tenho que dar meus parabéns a Raphael Draccon pela sua escrita maravilhosa, feita com um amor quase palpável, com pontos altíssimos, metáforas lindíssimas, e uma história inventada de um modo criativo que deveria existir mais no Brasil.

‘Dragões de Éter: Caçadores de Bruxas’ é o primeiro da trilogia de mesmo nome que conta a história de Nova Éter, um mundo onde os contos de fada são reais, porém com as pinceladas reais e sombrias, contando de modo verdadeiro como a bruxa pegou João e Maria para engordá-los e comê-los depois, como o lobo comeu a Avó de Chapeuzinho Vermelho (No livro, ela se chama Ariane Narin). Em meio a esse contos de fadas reais, também há ameaça iminente de Jamil Coração de Crocodilo, que ataca Nova Éter por um motivo que iremos descobrir bem depois.

A história é bem amarrada, e escrita para jovens. O que me incomodou um pouco foram os diálogos, com muitas gírias e muitas vezes mal colocadas, o que seguiu um pouco as características brasileiras, que, assim como as estrangeiras, colocam suas gírias características em diálogos, talvez para deixar a marca do seu país.
Mas se você acha que isso irá lhe incomodar, esqueça. São poucas coisas ruins em Dragões de Éter, e a história é tão boa e envolvente que você nem vai notar isso…

O genial de Raphael Draccon é como ele arranjou um fiozinho que liga um conto de fada à outro, isso foi simplesmente fantástico (enquanto lia me lembrei um pouco da ‘Teoria Pixar’, que todos falam). O modo como ele interliga cada conto, seja pela mesma bruxa, nomes de personagens, relações de pais, mães de personagens, ou até mesmo eles, é incrível, de cair o queixo. Fantástico!

Fico muito empolgado mesmo escrevendo essa resenha porque eu precisava de algo assim, uma coisa única, boa e engenhosa, um livro para adolescentes diferente de tudo que já foi escrito, e ainda por cima terminar e ter seu orgulho brasileiro renovado. Depois de ler tantos autores estrangeiros, é muito bom saber que há escritores como Raphael Draccon que sabem escrever uma boa história para adolescentes, sem confundir infantilidade com uma escrita mais jovial. Se eu tinha um certo receio com livros brasileiros, bem, perdi muito dele…
Parabéns, Raphael, eu com certeza lerei todos os seus livros, e principalmente, lerei toda Dragões de Éter. Ganhou um fã.

Nota: 9/10

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: